NotíciasNotícias

sexta-feira, 8 de fevereiro de 2013

"Se eu não mudar o mundo, serei injusto comigo, não estarei feliz"

Fonte: Folha de S.Paulo

Entre passeatas pelas mudanças climáticas, workshops de empreendedorismo, organizações de jovens e tantos outros caminhos, Leo Duarte, 24, encontrou a ferramenta que o ajudaria a "mudar o mundo".

O Jogo Oásis, desenvolvido pelo Instituto Elos, é um recurso de mobilização cidadã para que as pessoas transformem a realidade, com os recursos que têm, de forma coletiva.

"Quando você escuta que pode mudar o mundo de forma rápida, divertida e sem botar a mão no bolso, para mim parece uma ótima opção", diz Leo.

Por meio de brincadeiras, rituais, objetivos e desafios, onde todos são vencedores, sonhos coletivos são realizados em pouco tempo.

Foi assim que uma escola municipal em Raposos, interior de Minas Gerais, ganhou várias mudanças em apenas dois dias, com a ajuda de 200 voluntários.

"Quando a comunidade tem a vontade de sonhar e realizar esse sonho, você desperta essa chama na comunidade", comenta.

O jovem foi contratado para trabalhar com a metodologia e já participou de cerca de 15 Oásis, realizados em vários países, como Índia e Espanha.

O jogo parte da premissa que a comunidade carrega em si o poder e os recursos necessários para promover mudanças. Na parte prática, todos se reúnem para trabalhar e assim ver o sonho tomar forma.

A metodologia é de uso livre e funciona por meio de uma rede aberta, composta de jovens de várias partes do mundo, que, assim como o Leo Duarte, participaram do Guerreiros Sem Armas, programa internacional de formação vivencial em liderança e empreendedorismo social realizado pelo Instituto Elos.

"Eu acredito que, se eu não mudar o mundo, serei injusto comigo, porque não estarei feliz", diz Leo.

Hoje, o movimento Oasis e o Instituto Elos já realizaram juntos cerca de 200 Oásis pelo mundo todo.

"Se eu sentir do fundo do coração que é aquilo que eu quero fazer e achar que estou gerando a transformação, é esse o caminho que eu vou seguir. Mas nunca, nunca sozinho", afirma o jovem.

Até a abertura da Copa do Mundo, o Imagina na Copa vai contar 75 histórias de jovens que estão transformando o Brasil para melhor.

Os vídeos serão publicados no site www.imaginanacopa.com.br e aqui, no Empreendedor Social.


 

Tags: No Tags
  • Managing Partners

    William Davidson Institute
  • Content Partners

    AVINA
  • Sponsoring Partner

    Citi Foundation

Tem uma ideia para história?Tem uma ideia para história?

Faça uma recomendação

Faça uma recomendaçãoFaça uma recomendação

Facebook Twitter

Story Snapshot

Cerrar